Floresta Estadual de Rendimento Sustentado Periquito

Área 1.162,55ha.
Document area Decreto - 7.606 - 08/10/1996
Jurisdição Legal Amazônia Legal
Ano de criação 1996
Grupo Uso Sustentável
Instância responsável Estadual

Mapa

Municípios

Município(s) no(s) qual(is) incide a Unidade de Conservação e algumas de suas características

Municípios - FERS Periquito

# UF Município População (IBGE 2018) População não urbana (IBGE 2010) População urbana (IBGE 2010) Área do Município (ha) (IBGE 2017) Área da UC no município (ha) Área da UC no município (%)
1 RO Cujubim 24.226 4.812 11.042 386.394,60 1.173,30
100,00 %

Ambiente

Fitofisionomia

Fitofisionomia (cursos d'água excluídos) % na UC
Floresta Ombrófila Aberta 100,00

Bacias Hidrográficas

Bacia Hidrográfica % na UC
Madeira 100,00

Biomas

Bioma % na UC
Amazônia 100,00

Gestão

  • Órgão Gestor: (SEDAM) Secretaria de Estado do Desenvolvimento Ambiental
  • Tipo de Conselho:
  • Ano de criação :

Documentos Jurídicos

Documentos Jurídicos - FERS Periquito

Tipo de documento Número Ação do documento Data do documento Data de Publicação Observação Download
Decreto 7.606 Criação 08/10/1996 09/10/1996 Fica criada, no município de CUJUBIM, Estado de Rondônia, a FLORESTA ESTADUAL DE RENDIMENTO SUSTENTADO PERIQUITO, com área aproximada de 1.162,5504 hectares, subordinada e integrante da estrutura básica da SECRETARIA DE ESTADO DO DESENVOLVIMENTO AMBIENTAL - SEDAM, como espaço territorial destinado a aplicação de sistemas silviculturais em florestas, objetivando a produção auto sustentada dos recursos naturais renováveis e a condução da regeneração natural do povoamento remanescente, de modo a garantir a capacidade produtiva da floresta com o mínimo de alteração dos ecossistemas. Data de publicação no D.O. não conhecida.  

Documentos de gestão - FERS Periquito

Tipo de plano Ano de aprovação Fase Observação
Plano de manejo 1984 Em implementação A FLORSU Periquitos é originária de uma das reservas "em bloco" do Projeto de Assentamento Cujubim, craido em 1984. Um plano de manejo para as reservas foi elaborado em 1996, por meio da Colaboração Técnica do PNUD ao Planafloro. (fonte: "As Unidades de conservação de Rondônia". (Fábio Olmos, Alfredo de Queiroz Filho, Celi Arruda Lisboa). PNUD, PLANAFLORO - Governo de Rondônia, 1999).

Principais Ameaças

Desmatamento na Amazônia Legal

Este tema apresenta a análise dos dados de desmatamento produzidos pelo Projeto de Monitoramento do Desflorestamento na Amazônia Legal (Prodes), que mapeia somente áreas florestadas da Amazônia Legal. Os dados do Prodes não incluem as áreas de cerrado que ocorrem em muitas Unidades de Conservação no bioma Amazônia.

Focos de calor

Área de abrangência do ponto: um foco indica a possibilidade de fogo em um elemento de resolução da imagem (pixel), que varia de 1 km x 1 km até 5 km x 4 km. Neste pixel pode haver uma ou várias queimadas distintas, mas a indicação será de um único foco. Se uma queimada for muito extensa, será detectada em alguns pixeis vizinhos, ou seja, vários focos estarão associados a uma única grande queimada.

Total identificado de desmatamento acumulado até 2000: 6 hectares
Total identificado de desmatamento acumulado até 2019: 899 hectares

Características

A Unidade de Conservação Fers Periquitos, situada no município de Cujubim, possui uma área de aproximadamente 1.200 hectares e foi criada em 08 de outubro de 1996, pelo decreto de no 7.606. O objetivo geral da Fers Periquito constitui na produção de produtos e subprodutos madeireiros.
Até 2020, a Unidade de Conservação não possuía plano de manejo, nem conselho gestor, o quadro de funcionários era precário e havia o agravante de as comunidades locais não apoiarem a manutenção da UC. A recomendação era de a Unidade passar por processo de recuperação, após a desintrusão. Ainda assim, a FERS é de grande importância por manter e preservar os biomas e ecossistemas: Amazônia: Floresta Ombrófila Aberta Submontana.
A Unidade de Conservação é gerida pela Coordenadoria de Unidades de Conservação-CUC/SEDAM.
Dentre os principais conflitos presentes na UC, pode-se destacar: invasão, grilagem da terra, desmatamento, corte seletivo, pastagem e pressão para regularizar lotes.

Referências
1. Pressões e ameaças nas unidades de conservação estaduais de Rondônia / [organização Ivaneide Bandeira Cardozo [et al.]. --São Paulo: ISA - Instituto Socioambiental ; Porto Velho, RO ; Kanindé ; Associação de Defesa Etnoambiental, 2017.

Contato

Secretaria de Estado do Desenvolvimento Ambiental - SEDAM/RO
Estrada do Santo Antônio, n° 5323 - Triângulo
CEP: 76805-810 - Porto Velho - RO
Tel/Fax: (69) 3216-1059 / (69) 3216-1045 / (69) 3216-1084

Notícias

Total de 2 notícias sobre a área protegida FERS Periquito no banco de dados RSS

Ver todas as notícias dessa área protegida

 

As notícias publicadas neste site são pesquisadas diariamente em diferentes fontes e transcritas tal qual apresentadas em seu canal de origem. O Instituto Socioambiental não se responsabiliza pelas opiniões ou erros publicados nestes textos. Caso você encontre alguma inconsistência nas notícias, por favor, entre em contato diretamente com a fonte.